A Língua de Sinais é Universal?

A Língua de Sinais é Universal?

Se um surdo do Brasil viaja para os Estados Unidos ele vai entender o que um surdo americano quer dizer? Toda a comunidade surda usa a mesma língua de sinais?

 

De acordo com Organização Mundial da Saúde (OMS), existem mais de 466 milhões de pessoas com deficiência auditiva em todo o mundo, sendo só no Brasil quase 10 milhões (IBGE). Entre elas, 80% dos surdos têm dificuldades com as línguas escritas e dependem das línguas de sinais para sua comunicação.

Um dos equívocos mais comuns é acreditar que todos eles utilizam a mesma língua de sinais no mundo todo. Atualmente são falados 7.117 idiomas em diferentes países e com as línguas de sinais funciona do mesmo jeito. Existem entre 138 e 300 tipos de língua de sinais utilizadas ao redor do planeta. Isso acontece porque cada lugar possui sua própria cultura e identidade. Por conta disso, a língua foi se desenvolvendo organicamente, independentes das línguas orais, e evoluindo com o passar do tempo. 

 

Então a Libras é uma língua própria do Brasil?

Como o nome já diz, a Língua Brasileira de Sinais é uma língua reconhecida e utilizada no nosso país. Ela foi criada junto com o Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES), a partir de uma mistura entre a Língua Francesa de Sinais e de gestos já utilizados por surdos brasileiros. Por ser uma língua viva, constantemente passa por melhorias e formação de novos vocábulos. Alguns sinais ainda possuem variações de acordo com o local em que o surdo vive. Assim como temos os nomes mexerica, bergamota e tangerina para uma mesma fruta, conforme a região, também há sinais diferentes para a mesma palavra, o que é chamado de regionalismo. 

 

Então a resposta para a pergunta é que se um surdo do Brasil viaja para os Estados Unidos ele não vai entender o que surdo americano quer dizer, correto?

Exatamente!

Nos Estados Unidos a língua utilizada pela comunidade surda é a American Sign Language (ASL), em português Língua Americana de Sinais. Existem alguns sinais semelhantes entre a Libras e a ASL, mas são línguas distintas. 

Vale lembrar que nenhuma língua é mais importante do que outras, todas possuem suas particularidades e estruturas próprias. Porém, da mesma forma como alguns idiomas são mais falados ao redor do mundo, como o inglês e o espanhol, existem línguas de sinais mais conhecidas, como a ASL, a FSL (Língua Francesa de Sinais) e a Libras.

Isso só mostra como a cultura surda é rica e precisa ser cada dia mais valorizada. 

 

Se você tem interesse em conhecer mais sobre esse universo pode começar entendendo que:

  • Acessibilidade na comunicação importa;
  • Não são apenas os surdos que precisam aprender as língua de sinais;
  • A mudança começa por você!

 

E se quiser começar hoje mesmo, baixe o aplicativo da Hand Talk e aprenda mais sobre as línguas de sinais!

Compartilhe esse post!


Rating: 5.0. From 1 vote.
Please wait...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *